sexta-feira, 28 de abril de 2017

BIG BANG: (re)nascimento

Zildo Gallo



EXPLODIR...
silenciosa explosão
somatória de todos os barulhos
explosão obscura
portadora de toda luz
fiat lux!
explosão longínqua
e presente
sempre presente
contínua
continua... continua...
sem testemunhas
e testemunhos
saindo do nada
que é tudo
fazendo ecoar no vácuo
entre existências
um não sonoro grito
a dor do espírito
a dor do parto
do espírito universal
o Uno e o Verso
essência e existência
em (re)criação
em exposição à vida
vida que continua
EXPANDIR...
rumo ao (in)finito
e formar
em tempestuoso silêncio
em ciclos
de morte-vida
de vida-morte
ciclos transcendentais
o imenso
imensurável
e também diminuto
imensurável também
espaço da minha alma
transcendental
incidental
RETRAIR...
EXPLODIR...
EXPANDIR...
RETRAIR...



Nenhum comentário:

Postar um comentário