segunda-feira, 9 de novembro de 2015

O AUTORRETRATO PROFISSIONAL E AS ORELHAS DO MEU LIVRO

Zildo Gallo

Para os que ainda não me conhecem, este sou eu numa foto tirada por um fotografo indiano no município de Rishikesh, no Estado de Uttarakhand, no norte da Índia, às margens do rio Ganges, no sopé do Himalaia. Ela foi publicada numa das orelhas da capa do meu livro Ethos, a grande morada humana: economia, ecologia e ética (2007). Hoje, 2015, estou oito anos mais velho, chegando na casa dos 60 anos de idade, mas não mudei muito, acredito...


Na outra orelha do livro eu bati um retrato resumido (é possível resumir um retrato?) sobre o que penso sobre a economia e a natureza, um fotografia cada vez mais difícil de ser observada no mundo real, diante da trajetória destrutiva da humanidade. Contudo, pelo menos no campo utópico, esta fotografia necessita materializar-se, para que o ser humano não caminhe rumo a uma situação de barbárie. Eis o conteúdo da orelha:
Economia, Ecologia e Ética
Zildo Gallo
É cada vez mais necessária e urgente a construção de uma ética planetária. É preciso fundar um novo ethos para garantir doravante o convívio entre os homens e destes com a natureza.Então, a aproximação entre a ética e a economia também é cada vez mais necessária. O objetivo primordial do sistema econômico deveria ser, na sua essência, ético: o bem-estar.Como ainda tem muita pobreza no mundo, podemos concluir que, por muitos anos ainda, o crescimento da economia deve continuar necessário. Contudo, ele não pode se dar nos antigos moldes, concentrando renda e destruindo o meio ambiente.O compromisso da economia como ciência e como prática também deve ir além do exclusivo bem-estar dos homens, devendo considerar todos os demais seres que vivem na Terra.A crise ambiental que o planeta vive hoje, com consequências ainda não tão previsíveis, leva-nos a concluir que a morada humana não pode mais se limitar ao estado-nação, ela deve se estender por toda a Terra.O mundo globalizou-se e com ele os problemas. Cada questão de cada canto da Terra virou um problema de cada um de nós, que pensa, produz e consome. Hoje, como em nenhuma outra época, nossa casa global exige que estejamos sempre atentos às consequências dos nossos atos ao produzirmos e consumirmos. É disso tudo que trata este livro. Boa leitura! Campinas, outono de 2007.
Hoje, no final de 2015, por conta do descaso da sociedade humana com o meio ambiente e com as questões sociais, eu temo que a situação complicou-se e que a urgência tornou-se mais urgente. O tempo encurtou e parece que a imensa maioria das pessoas ainda não se apercebeu do imenso risco do naufrágio do Titanic chamado planeta Terra, que navega velozmente rumo ao imenso iceberg climático (efeito estufa). Para aqueles que quiserem saber mais sobre o assunto economia versus meio ambiente, eu estou sempre disponível para palestras e cursos. O meu e-mail é a minha forma de contato. Abaixo segue o meu autorretrato profissional.
Bacharel em Ciências Econômicas (1980) pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas – PUC-Campinas, Mestre (1995) e Doutor (2000) em Administração e Política de Recursos Minerais pelo Instituto de Geociências da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP. Foi professor da Faculdade de Gestão e Negócios da Universidade Metodista de Piracicaba – UNIMEP (1987-2006). Atualmente é professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Mestrado e Doutorado) do Centro Universitário de Araraquara – UNIARA. Tem experiência em políticas públicas, gestão de recursos hídricos, economia solidária e desenvolvimento sustentável. É autor do livro Ethos, a grande morada humana: economia, ecologia e ética, Ottoni Editora. É co-autor dos livros: Desenvolvimento de Piracicaba: história e perspectivas, Editora Unimep; Agroindústria canavieira no Brasil: evolução, desenvolvimento e desafios, Editora Atlas; Gestão e negócios: entre o social e o administrativo, Edições O. L. M.; Alternativas de sustentabilidade e desenvolvimento regional, E-papers; Desenvolvimento regional e meio ambiente: os desafios da interdisciplinaridade, Publit. Publica regularmente em revistas especializadas em economia, meio ambiente e políticas públicas. Tese de doutorado: A defesa da qualidade das águas da bacia do rio Piracicaba: o papel da CETESB e de todos nós. Instituto de Geociências (IG) – Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP (2000). Dissertação de mestrado: A proteção das águas, um compromisso do presente com o futuro: o caso da bacia do rio Piracicaba. Instituo de Geociências (IG) – Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP (1995).

E-mail: zildogallo@gmail.com

Blog: zildo-gallo.blogspot.com.br

Outras informações acadêmicas e publicações científicas: ver Currículo Lattes (CNPq)

Nenhum comentário:

Postar um comentário